marty falso

Depois de alimentar os sonhos de toda uma geração educada pela Sessão da Tarde, o skate flutuante de Marty McFly finalmente se tornará realidade. Ou quase isso. Na falta de “jiggowatts” suficientes para anular as forças da natureza, a startup ZBoard recorreu à segunda melhor solução: motores elétricos.

Sim, o hoverboard que acaba de ser anunciado no Indiegogo não passa de um shape diferente para o skate elétrico da empresa. Mas não fique tão decepcionado. O ZBoard é um skate elétrico sofisticado que usa sensores de pressão para controlar a aceleração de seus motores. Em outras palavras, quando você se inclina para frente, ele acelera por conta própria.

A última versão da máquina alcança uma velocidade de quase 29 km/h e tem autonomia de cerca de 32 quilômetros. Um pouco mais e ele ultrapassaria a velocidade da luz para voltar no tempo, não? Considerando que o ZBoard depende de um motor de 400 W e mais uma série de eletrônicos, ele até pode ser considerado leve com seus quase 15 kg.

Se a sua nostalgia valer mais do que 1,500 dólares, é melhor correr para garantir uma das 25 unidades que serão produzidas. Quem quiser uma alternativa mais econômica também pode adquirir apenas o shape por 200 dólares. O preço pode ser um pouco alto, mas a ZBoard doará dinheiro para a Michael J. Fox Foundation, uma instituição sem fins lucrativos que se dedica a apoiar pesquisas sobre a síndrome de Parkinson.

De qualquer maneira, ainda temos 2 anos para que a profecia do hoverboard se cumpra. Como você pretende resolver o problema da gravidade?

Pin It on Pinterest