A Apple iniciou, nesta segunda-feira (10/06/2013), o primeiro dia da conferência para desenvolvedores WWDC 13 e, como de costume, aproveitou a ocasião para anunciar uma série de novidades em relação aos seus produtos. Uma das que mais impressionaram, certamente, é o novo Mac Pro, que agora conta com um visual totalmente remodelado e com a segunda versão da tecnologia Thunderbolt.

Novo Mac Pro – Imagem por Apple

Novo Mac Pro – Imagem por Apple

O gabinete do equipamento cedeu o estilo retangular para um case arredondado com 25,1 cm de altura e 16,7 cm de diâmetro que, sem demora, gerou comentários do tipo “parece uma lixeira moderna”, “lembra o R2-D2”, “inspirado no Bullet Bill” e assim por diante. Agradando ou não, o fato é que o novo visual condiz com o perfil ousado da Apple, mas que há meses não se manifestava.

Por dentro, o novo Mac Pro não faz feio. Para começar, a máquina será baseada na última geração de processadores Intel Xeon E5 de até doze núcleos. A parte gráfica, por sua vez, ficará por conta de até duas GPUs AMD FirePro. Quanto à memória RAM, esta será baseada na tecnologia DDR3. Para o armazenamento de dados, por sua vez, o uso de SSD não está descartado, obviamente.

Outras características incluem quatro portas USB 3.0, seis portas Thunderbolt 2 (podem transferir dados à taxa de até 20 Gb/s), Wi-Fi 802.11ac, Bluetooth 4.0 e conector HDMI 1.4. Como se vê, a Apple decidiu apostar nas versões mais recentes das tecnologias de conectividade, o que provavelmente motivou a não inclusão das já tradicionais portas FireWire.

Traseira do novo Mac Pro – Imagem por Apple

Traseira do novo Mac Pro – Imagem por Apple

Durante a apresentação, a Apple arrancou aplausos da plateia ao explicar que o novo Mac Pro será fabricado nos Estados Unidos – pelo menos as unidades que serão comercializadas por lá. Por outro lado, a companhia não revelou o preço inicial do produto, tampouco especificou quando o produto chegará ao mercado, se limitando a dizer que isso ocorrerá até o final de 2013.

Se está assim em relação aos Estados Unidos, imagine quanto ao Brasil! Mas uma coisa é certa: quando o novo Mac Pro chegar em terras tupiniquins, seu preço será equivalente a um carro popular com alguns anos de uso. Basta levar em conta que, atualmente, o Mac Pro *mais barato* comercializado no país custa 9.799 reais.

Mais informações no site da Apple – www.apple.com/mac-pro.

Emerson Alecrim

Pin It on Pinterest