Escolha uma Página
NWZA17SLV

Walkman: Sem complexidade, mas com qualidade – Imagem: Divulgação

O novo reprodutor de músicas Walkman NWZ-A17 foi concebido para quem gosta de ouvir músicas com excelente qualidade. O alta resolução se traduz em arquivos sem compressão ou com taxa de amostragem elevada. Algo que, a princípio, poucos smartphones suportam.

A tela do NWZ-A17 tem 2,2 polegadas e resolução de 320 por 240 pixels. São 64 GB para armazenar arquivos dos tipos: FLAC, ALAC, MP3, AAC, HE-AAC, WMA, WAV e AIFF. Ele reproduz também vídeos nos formatos: MPEG4, AVCHD e WM9. O player tem Bluetooth 2.1 com todos os perfis de áudio, incluindo o aptX. O pareamento com um fone de ouvido preparado para alta definição pode ser feito pelo NFC.

Para os audiófilos de plantão, a equalização inclui as funções: S-Master HX, DSEE HX, Clear Audio+, Clear Bass, Equalizador padrão, VPT(surround) e Dinâmico. Na prática, os modos significam redução de ruído e distorções harmônicas. Há também uma espécie de upscaling que regenera o sinal de áudio para arquivos que usem compressão (MP3, por exemplo).

Executando músicas em alta definição (ou de alta resolução), a Sony garante 30 horas de duração de bateria. É uma excelente marca para o tamanho. Parece claro também que a Sony quer aproveitar o interesse massivo pelo tocador Pono, do Neil Young. O NWZ-A17 custará 300 dólares, 100 a menos que o Pono.

O player está sendo demonstrado na IFA, que ocorre em Berlim.