Gradiente Tegra Note

Lembra do tablet da Nvidia, anunciado em meados do mês passado? Tratava-se de um conceito, que poderia ser adotado por outras empresas que lançariam aparelhos próprios. Pois bem, o dispositivo com tela de sete polegadas deve entrar em pré-venda no Brasil a partir do dia 25 de outubro, chegando pelas mãos da Gradiente com o nome Tegra Note TB 750.

As configurações são as mesmas apresentadas pela Nvidia em setembro, e têm como destaque a presença de um processador Tegra 4, que torna o tablet o “mais rápido do mundo”, nas palavras da empresa brasileira. Pode ser um grande exagero, mas o chipset de quatro núcleos tem bons números, sendo baseado na arquitetura ARM e contando com CPU Cortex-A15 de clock máximo 1,8 GHz. No conjunto, está ainda uma GPU Nvidia de 72 núcleos, que devem garantir um bom desempenho gráfico ao aparelho.

Fora o processador, o modelo da Gradiente contará com a mesma quantidade de RAM anunciada no conceito da Nvidia (1 GB), com uma tela de resolução igual (1.280 x 800 pixels) e com 16 GB de capacidade de armazenamento, expansível por microSD. A câmera traseira será de 5 megapixels, tirando fotos em HDR, e a frontal terá qualidade VGA.

O aparelho ainda contará com suporte a tecnologia DirectStylus, que dá boa precisão ao traçado da caneta Stylus, inclusive permitindo definir a espessura do rabisco. O Android deverá ser “100% puro” e estar sempre atualizado para a última versão disponível do software – ou pelo menos é isso que promete a Nvidia. Em termos de portas, uma HDMI permitirá conectar o aparelho à TV – para jogar, por exemplo.

O Gradiente Tegra Note TB 750 será apresentado durante a Brasil Game Show, que acontece entre os dias 25 e 29 de outubro em São Paulo. Apesar de não parecer tão poderoso pela memória RAM e pela resolução da tela, o chip Tegra 4 do aparelho pode realmente fazer a diferença – e o preço, 1.000 reais, pode tornar o tablet bem atraente frente aos rivais vendidos no país.

Pin It on Pinterest