lumia1020 aplicativo

Depois de rumores e “vazamentos” suspeitos, a Nokia finalmente abriu o jogo a respeito do Lumia 1020, o Windows Phone com câmera de 41 MP. Ou não. A AT&T divulgou hoje três vídeos que detalham algumas especificações do aparelho, mas os marcou como vídeos privados logo em seguida (felizmente, o canal iDroidSpot repostou todos no YouTube). Uma screenshot da interface do aplicativo de câmera também foi divulgada pelo ViziLeaks. A tática de marketing da Nokia parece ser o oposto da dos ilusionistas: ela esconde para mostrar. De qualquer maneira, nossas dúvidas logo serão dissipadas. Em um evento que acontece hoje, a Nokia promete “reinventar o zoom”, uma referência óbvia aos recursos da câmera PureView.

 

Por enquanto, vamos nos ater ao que foi confirmado hoje cedo. O Lumia 1020 terá sim um sensor retroiluminado de 41 MP, exatamente como o CMOS Toshiba HES9 utilizado no PureView 808 (Atualização: o novo sensor é ligeiramente menor do que o PureView 808 – o formato caiu de 1/1.2″ para 1/1.5″, o que significa que os pixels individuais também são menores). O processador de imagem também parece ser o mesmo, considerando que o novo aparelho mantém recursos como o zoom de 6 vezes para vídeos em 720p. Outras características que continuam sem mudança em relação ao PureView 808 são a estabilização óptica e a habilidade de gravar sons graves mais profundos em estéreo. Essencialmente, podemos esperar a mesma experiência de câmera do PureView 808, mas no ambiente do Windows Phone.

 

 

O que nos leva às novidades. O aplicativo de câmera padrão do Windows Phone 8 é bom, mas utiliza-lo em um hardware como o que está sendo prometido para o Lumia 1020 seria um tremendo desperdício. Portanto, não surpreende que a Nokia tenha criado um aplicativo específico para o novo smartphone. A interface segue um esquema de controle radial que é bem diferente do utilizado pelo PureView original. A experiência de uso parece ser mais similar à da Galaxy Camera. De qualquer maneira, há bem mais controles do que o normal para uma câmera de smartphone, incluindo parâmetros essenciais de exposição como ISO e velocidade. Um recurso novo é o modo “dual capture” que supostamente tira fotos em mais de uma resolução ao mesmo tempo. Curiosamente, a screenshot também indica uma resolução efetiva de 40 MP para as fotos. No PureView 808, a resolução máxima das imagens era de apenas 38 MP.

 

 

Depois de tudo isso, o que podemos esperar da apresentação de hoje? Pode ser que a Nokia acabe em uma posição similar à que Apple tem se encontrado em seus últimos eventos, com todas as novidades importantes divulgadas antes do tempo. Mas também é possível que este seja um risco calculado. Até agora, o que sabemos a respeito da câmera do Lumia 1020 não difere em quase nada do que já sabíamos a respeito do PureView 808. Não acredito que os engenheiros da Nokia tenham abandonado completamente esse projeto para simplesmente transporta-lo para outro sistema quase dois anos depois. Talvez o hardware continue o mesmo, mas é razoável esperar recursos novos de software.

Atualização: Nos Estados Unidos, o Lumia 1020 será vendido por 299,99 dólares com um contrato de 2 anos pela AT&T. A pré-venda começa no próximo dia 16, mas o lançamento oficial ficará para 26 de Julho. Por enquanto, as cores disponíveis serão preto, branco e amarelo. – Via The Verge

Pin It on Pinterest