Em o que seria uma iniciativa inédita, a Samsung liberou ontem parte do código do sistema operacional das câmeras NX300 e NX2000 sob a as licenças GNU GLP e  LGPL. Em outras palavras, os usuários teriam o direito de estudar e modificar programas que controlam as funções dessas máquinas. No entanto, parece que parte da publicação não foi intencional e os arquivos, pelo menos por enquanto, não estão mais disponíveis para download no site de distribuição de código aberto da Samsung.

 

Embora câmeras digitais não sejam essencialmente diferentes de qualquer outro computador quando o assunto é silício, a indústria em geral nunca demonstrou muito interesse em criar um ecossistema de software. Existem alguns movimentos de desenvolvimento independente , como é o caso da Magic Lantern, mas nada que se compare ao cenário dos smartphones ou dos PCs. A escassez de informação sobre o firmware e o hardware  é o principal empecilho para quem está interessado em ampliar as habilidades dessas máquinas. A liberação do código é um passo importante para amenizar essas dificuldades.

Muitas empresas se valem de componentes do Linux e de outros sistemas abertos para programar suas câmeras. Portanto, não é estranho ouvir que a Sony, por exemplo, liberou partes do código das câmeras NEX (algo que já ocorreu no passado). No entanto, o procedimento normal é liberar apenas o mínimo exigido pela licença do componente utilizado. A Samsung, por sua vez, havia divulgado alguns extras interessantes de autoria da própria empresa, incluindo os binários para montar uma imagem do firmware.

É possível que esses extras tenham motivado a retirada temporária dos arquivos, mas prefiro acreditar que a Samsung está genuinamente tentando tornar a cena de desenvolvimento para câmeras um pouco mais aberta. Afinal, a empresa se tornou o que é hoje graças a um sistema operacional open source.

De qualquer maneira, os fotógrafos só têm a ganhar com esse tipo de iniciativa. Entre as possibilidades que um sistema operacional aberto proporcionaria, podemos contar o processamento de arquivos RAW na própria máquina, fotos em time-lapse, vídeo sem compressão e outros.

Pin It on Pinterest