Tegra-K1-64

Denver agora com 64 bits – Imagem: Divulgação/Nvidia

Oito meses após o lançamento do processador Tegra K1 de 32 bits, a Nvidia anunciou uma nova variação do processador, um K1 de 64 bits. É o primeiro processador da empresa com 64 bits ARM para Android.

O novo processador tem diferenças não apenas no aumento de 32 bits para 64 bits. A nova implementação tem dois núcleos da Nvidia, ao invés de quatro Cortex A15,. Eles operam no máximo a 2,5 GHz, contra os 2,3 GHz da outra versão. Além disso, a organização interna permite executar 7 micro instruções simultaneamente (7 way superscalar). O anterior executava 3 micro instruções.

K1-Two-chips

Kepler em duas variações de processadores – Imagem: Divulgação/Nvidia

O espaço de memória cache de primeiro nível (L1), utilizado para armazenar instruções e dados, aumentou de 32 KB(instruções) e 32KB(dados) para 128 KB(instruções) e 64KB(dados de quatro vias). O cache secundário (L2) aumentou para 2 MB. Uma otimização de código de máquina em “tempo de execução” (Dynamic Code Optimization) armazena instruções em uma memória interna de 128 MB. O resultado prático de tudo isso é a execução de instruções ainda mais rápida que o antecessor K1 de 32 bits.

A empresa ainda faz questão de assinalar que está testando o Android L com este processador e em breve parceiros devem lançar smartphones com esta variação.

Pin It on Pinterest