A Amazon anunciou nesta quinta-feira (06) mais uma versão do tradicional e-reader da empresa, o Kindle Paperwhite. Com 9,1 milímetros de espessura e 212 gramas, Jeff Bezos, CEO da Amazon, descreveu o aparelho como “mais fino do que uma revista e mais leve do que um livro de bolso”.

O novo Kindle conta com a tecnologia Paperwhite, que possui luz interna, permitindo a leitura dos livros digitais no escuro. Nas versões anteriores, o usuário dependia de um ambiente com luz para a melhor leitura. Além disso, o aparelho possui 25% mais contraste do que os e-readers atuais e, com 212ppi, a tela do novo Kindle possui resolução 62% maior.

Segundo a Amazon, a bateria do e-reader tem autonomia de oito semanas. Não há mais botões físicos no aparelho e agora é possível controlar o brilho da tela com um botão sensível ao toque.

Entre as atualizações no software do aparelho, agora o Kindle calcula a velocidade de leitura e estimar quanto tempo o usuário levará para concluir um determinado capítulo ou livro.

O Kindle Paperwhite começará a ser vendido no dia 1º de outubro e estará disponível por 119 dólares. Modelos do e-reader com 3G incluído custarão 179 dólares.

A Amazon aproveitou o evento para reduzir o preço da versão mais básica do Kindle. Além de novas fontes para leitura, o e-reader agora custa 69 dólares.

Pin It on Pinterest