O mercado de smartphones japoneses é um mundo à parte. Nele, celulares estilo concha ainda são populares e produtos bizarros como um smartphone projetado para aspirantes a um emprego na NERV não são incomuns. Nesse contexto, o celular de duas telas Medias W N-05E, da NEC, não parece estranho. De fato, nem se trata de uma ideia original: Kyocera, Samsung e até a Acer já enveredaram por esse caminho. A diferença, agora, é o hardware atualizado, que pode tornar esse aparelho competitivo com os celulares de tela gigante que estão entrando na moda.

Quando fechado, o Medias W oferece uma tela de 4,3″ e resolução 540 x 960 pixels. Embaixo desse display esconde-se outro com as mesmas especificações. Desse modo, o Medias W aberto oferece uma área útil de 5,6″ e 1080 x 1920 pixels de resolução. A customização do Android  4.1 que a NEC preparou pode utilizar as duas telas em conjunto ou individualmente para cada aplicativo.  Claro, quando as telas atuam em conjunto, o usuário deve fingir que não nota a linha que separa uma imagem da outra.

Por dentro, o Medias W tira vantagem de um bom conjunto de circuitos. O SoC é um Snapdragon S4 com dois núcleos Krait rodando a 1,5 GHz, uma Adreno 225 e rádio LTE. Há ainda 1 GB de RAM e 16 GB de memória interna (expansível com o slot de microSD). Curiosamente, não há NFC ou TV digital no Medias W, dois recursos muito usados no Japão.

A DoCoMo deve começar a vender o Medias W em Abril.

Pin It on Pinterest