De olho no público teen, a Fuhu divulgou detalhes de seu novo tablet. É o Nabi XD, que tem design descoladinho e uma configuração bastante razoável para o preço.

A etiqueta marca, no exterior, 250 dólares. Fazendo uma conversão rápida e de cabeça, que não considera impostos e tudo o mais, seria equivalente a cerca de 500 reais. Por um tablet híbrido de 10,1 polegadas, resolução de tela de 1.366 por 768 pixels, NFC, 16 GB de armazenamento e processador Tegra 3, esse preço é bastante em conta. Para efeitos de comparação, o Sigma da Multilaser custa 568 reais e a configuração é mais fraca.

O sistema operacional por enquanto é o Android 4.1, mas a Fuhu pretende mudar para o Kanzi, que permite a customização de widgets de acordo com o lugar em que o tablet é utilizado. Na prática, ele possibilita criar um desktop para usar no Wi-Fi de casa e outro no do trabalho, por exemplo.

Deve ser lançado também um teclado de silicone e um apoio para a tela, que transforma o tablet numa espécie de notebook. A estrutura fica parecida com a do Surface.

E, como é para teens, ele vem recheado de apps para aumentar a produtividade (ou seria reduzir a procrastinação?) e ajudar os pais a controlar o acesso de seus filhos à internet.

O Nabi XD chega às lojas americanas em janeiro.

Via LAPTOP Magazine

Pin It on Pinterest