O smartphone Jolla, o primeiro rodando o sistema Sailfish, foi anunciado hoje por US$ 512 e deve chegar ao mercado no final deste ano.

A plataforma open-source Sailfish foi criada por ex-funcionários da Nokia, que tentaram resgatar o sistema MeeGo, mas após tentativas frustradas criaram a startup Jolla em 2012, apostando em uma plataforma aberta.

O Jolla – se pronuncia “yo-la” – é o nome da empresa finlandesa e do novo smartphone. O dispositivo possui tela de 4,5 polegadas, processador de dois núcleos, 16GB de armazenagem (expansível por cartão microSD), suporte a rede 4G e câmera de 8 megapixels.

A carcaça do aparelho é bastante similar aos da Nokia, com diversas opções de cores.

O sistema Sailfish também suporta a instalação de alguns aplicativos desenvolvidos para a plataforma Android. Não há detalhes de como isso irá funcionar, mas na prática os usuários poderão baixar apps da Play Store e os desenvolvedores Android terão facilidade para converter seus programas para o Sailfish.

A empresa também liberou um esquema de pré-venda para o smartphone Jolla a partir de 100 euros, permitindo que o usuário ajude na divulgação e no desenvolvimento do projeto.

Quem realizar a pré-venda ganhará prioridade na compra e um voucher com desconto no valor final do smartphone. O aparelho será vendido inicialmente na Europa.

Clique aqui para assistir o vídeo inserido.

Pin It on Pinterest