Homens são presos por promover prostituição de menores no Twitter

por | ago 8, 2012 | Sem categoria | 0 Comentários

A polícia do Japão prendeu dois homens da região de Fukuoka pelo fato de estarem detalhando casos de prostituição de menores pelo Twitter. Hidenori Nakata e Takuya Mimasa acabaram detidos por conta de mensagens no microblog em que comentavam as relações sexuais que um deles mantinha com uma menina de 14 anos, e o agenciamento de jovens prostitutas.

Twitter é usado para conseguir clientes para jovens prostitutas e para detalhar caso de japonês com menor de idade (Foto: Reprodução)Twitter é usado para conseguir clientes para jovens prostitutas e para detalhar caso de japonês com menor de idade (Foto: Reprodução)

De acordo com o jornal Tokyo Reporter, Nakata se gabou do fato de estar em um motel, e ainda descreveu o caso que estava tendo com a menor. Alguns seguidores alertaram a empresa onde o homem trabalhava e os diretores da companhia entraram em contato com a polícia. O homem admitiu o crime e pode ser condenado a passar anos na cadeia.

O mesmo acontece com Mimasa, que foi preso na última semana, quando utilizou o Twitter para tentar arranjar clientes para jovens prostitutas. Denúncias contra ele vinham sendo feitas desde maio, quando ele teria conseguido 12 homens interessados em fazerem programas com uma garota de 18 anos de idade. Em seu depoimento, o cafetão garantiu que “só queria ajudar a menina”, que estava muito endividada.

Os casos de prostituição estão no alvo de muitas investigações no Japão. Isso acontece porque as autoridades locais sabem que a Internet vem sendo bastante utilizada para divulgar este tipo de prática que, assim como no Brasil, é ilegal – seja com menores ou maiores de idade.

Via Daily Dot

By Adilson

Confira estas postagens relacionadas

Em Busca da Cidade Mais Perigosa da Internet, o documentário da Norton sobre cibercrime

Em Busca da Cidade Mais Perigosa da Internet, o documentário da Norton sobre cibercrime

O que leva um hacker a invadir sistemas ou interceptar dados? Interesses financeiros? A adrenalina do desafio? Motivações políticas? O apreço pelo caos? A Norton decidiu abordar o assunto em um documentário deveras interessante: Em Busca da Cidade Mais Perigosa da Internet. Líder mundial em segurança digital, a Norton utilizou a sua vasta

ler mais

0 Comentários

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest