g1743

Os brasileiros da Avell apresentaram uma nova linha de notebooks voltados para games na BGS deste ano. As reformas foram as esperadas – nova geração de processadores Intel e atualização na linha de GPUs da Nvidia –, mas um dos modelos expostos chama mais atenção. Não pelo visual chamativo, mas sim pelas configurações: o G1743 tem por dentro duas placas GeForce GTX780M, funcionando em SLI.

Além da dupla de chips gráficos, a máquina em exposição no evento conta com um Core i7 4700MQ de 2,4 GHz, 16 GB de memória RAM e um SSHD com 8 GB de memória flash e 1 TB de capacidade de armazenamento. A performance é bem impressionante, como era de se esperar de tamanhas especificações. Rodando o novo Batman: Arkham Origins em um teste rápido, não foi notada nenhuma lentidão, mesmo em cenas cheias de fumaça ou com cinco ou mais personagens.

As superlativas configurações, portanto, são mais que suficientes para aguentar a próxima geração de games sem problemas. No entanto, o desempenho ainda não é o mesmo de uma dupla de GTX780 em um desktop – a largura de banda da versão M é menor, assim como o número de núcleos CUDA, responsáveis pela renderização. Ao menos neste último aspecto, a potência deve ser equiparável a uma GTX680 (são 1.536 CUDA cores em ambos os chips).

Por fim, o preço do notebook assusta. Nas configurações mais básicas – que já são bem chamativas –, ele sai por 9.000 reais. Mas ele é configurável, e o notebook que estava exposto, por sua vez, chega a 9.200, enquanto com todos os itens mais caros, passa dos 18.400 reais. Assim, passa a ser uma boa alternativa apenas a quem não pode ter um PC em casa e ainda tem uma boa quantia de dinheiro sobrando – e não se importa de carregar um monstro de cerca de 5 Kg, somando notebook e fonte.

Pin It on Pinterest