Escolha uma Página
amd-solid-state

SSD Radeon R7 da AMD e Toshiba/OCZ – Imagem: Divulgação

Com o anúncio desta terça-feira (19), a estratégia da tradicional fabricante de processadores e placas de vídeo está mais clara. Ela quer disponibilizar tudo que um entusiasta precisa para montar sua própria máquina de jogos. Uma mímica inesperada do que a Intel e Samsung fazem.

Os novos SSDs Radeon R7 tem capacidade de 120 GB, 240 GB e 480 GB. Eles são fruto de uma parceria da AMD com a OCZ, agora pertencente a Toshiba. O controlador é o Barefoot 3 M00, já utilizado pela OCZ. Os módulos de memória flash são da Toshiba, o A19 MLC NAND. A velocidade máxima de leitura (sequencial) é de 550 MB/s. Já a gravação vai de 470 MB/s, para o modelo de 120 GB, até 520 MB/s, para os dois modelos de maior capacidade.

Na teoria são equivalentes aos modelos da OCZ, mas segundo a AMD, há uma versão de firmware modificada que aumentaria a performance do SSD. Todos os modelos vem com software Acronis True Imagem HD, para clonar o disco e realizar backups. Os preços nos Estados Unidos são respectivamente 99, 164 e 299 dólares.