Quadricópteros que filmam e fazem streaming de vídeo para outros eletrônicos não são exatamente uma novidade. A surpresa do MeCam está em seu tamanho minúsculo e no fato de que ele responde a comandos de voz.

Olhando de perto, fica claro que os engenheiros da Always Innovating foram forçados a ser extremamente eficientes: o helicóptero cabe na palma da mão, mas ele é pouco mais que uma placa mãe rodeada por quatro hélices. Mesmo assim, o silício dessa placa dá inveja a muitos smartphones: o system-on-a-chip contém um núcleo Cortex A9, 1 GB de RAM, Wi-Fi dual band, Bluetooth e entrada para cartão SD. Um ponto interessante é que parte do hardware e do software do MeCam é baseada em tecnologias open source.

Como se trata de um Cortex A9, a pequena aeronave não deve ter problemas com vídeos em alta definição. Resta saber se o mesmo pode ser dito a respeito da estabilidade do MeCam durante o voo. Para lidar com o vento e outros imprevistos, a Always Innovating instalou 14 sensores e 3 algoritmos de estabilização no helicóptero.

O MeCam ainda está em desenvolvimento, mas já pode ser licenciado. Espera-se que ele chegue ao varejo por 49 dólares.

Pin It on Pinterest