A Apple dará início a sua conferência anual para desenvolvedores, a WWDC, nesta segunda-feira com o keynote de abertura do CEO da empresa, Tim Cook. Acompanhe em tempo real nossa cobertura do evento.

14h – O evento estava previsto para começar agora às 14h. Dentro de alguns instantes iniciaremos nossa transmissão.

14h05 – Tim Cook sobe ao palco para dar início ao WWDC 2013.

14h07 – “64% dos participantes aqui fazem sua estreia no WWDC”, diz Cook. O CEO afirma que os ingressos para o evento se encerraram em 71 segundos.

14h09 – Tim Cook começa a falar sobre as lojas da Apple, citando a recém-inaugurada em Berlim, na Alemanha.

14h10 – Cook também fala do recorde de 50 bilhões de apps baixados da App Store. “Graças a vocês chegamos a 900 mil apps disponíveis”.

14h13 – O CEO reforça a importância dos apps para a Apple e afirma que a empresa pagou US$ 5 bilhões apenas em 2012 para os desenvolvedores.

14h14 – Cook chama ao palco Boris Sofman da produtora de games Anki, que irá mostrar seu novo programa de inteligência artificial para a plataforma iOS.

14h16 – E a demonstração do “Anki Drive”, que deveria mostrar uma espécie de autorama sem trilhos funcionando com a plataforma, falhou!

14h17 – Após alguns ajustes, a demonstração é feita. O Anki Drive é uma espécie de autorama sem trilhos e jogado em tempo real e estará disponível a partir de hoje.

14h19 – Tim Cook volta ao palco para falar de Mac.

14h20 – Cook chama ao palco Craig Federighi, para falar sobre o sistema Mac OS X.

14h21 – E Federighi anuncia o novo sistema Mac OS X Sea Lion – Leão Marinho! (risos)

14h22 – Após a piada com o Leão Marinho, o executivo confirmou o nome verdadeiro: OS X Mavericks, uma homenagem ao estado da Califórnia.

14h25 – Entre as novidades no OS X, Federighi apresenta o Finder Tabs; Tagging e Múltiplos Displays.

14h27 – As novas ferramentas permitem organizar os documentos entre abas e tags no sistema.

14h30 – A ferramenta para múltiplos displays permite utilizar uma TV conectada à Apple TV como uma segunda tela do computador por meio do AirPlay.

14h32 – “Com o Mavericks, nós inteligentemente alinhamos o trabalho de transições do seu computador, o que reduz a atividade da CPU em até 72%. É maravilhoso!”, disse Federighi.

14h33 – O executivo destaca também o navegador Safari, que roda em mais de 1,5 bilhão de dispositivos.

14h35 – O novo Safari terá uma barra lateral para bookmarks. Será possível ler as listas na barra lateral, bem como feeds do Twitter e LinkedIn.

14h37 – Segundo o executivo, o Safari gasta menos CPU que seus concorrentes e possui um aplicativo nativo que permite direcionar a energia para a tarefa que estiver sendo realizada.

14h41 – Federighi volta a falar sobre o Mavericks. O sistema terá sincronização entre dispositivos Mac e iOS, com o iClouyd Keychain, que irá armazenar todas as senhas na nuvem, entre os aparelhos. O Safari também irá auto-sugerir senhas e gravará os dados do cartão de crédito. “Mas você deverá lembrar sua senha nesse caso”, disse.

14h44 – O sistema também traz um novo serviço de notificações, com alertas do FaceTime, E-mail e Mensagens. “Notificações de apps levarão os alertas do iOS para seu Mac. Também haverá atualização de app em segundo plano”.

14h46 – A aplicação “Calendário” também ganhou um novo visual, sem texturas. Aparentemente, o novo desenho, mais limpo, dos sistemas da Apple parecem estar chegando.

14h48 – E os mapas também chegam ao Mac OS X!

14h49 – Será possível enviar uma busca realizada no Mapa no Mac OS para o dispositivo iOS.

14h51 – Os mapas, valem lembrar, são desenvolvidos pela própria Apple:

 14h53 – O novo Mac OS X Mavericks, na versão Developer Preview, está disponível a partir de hoje. A versão completa final chega em meados de outubro.

14h54 – Phil Schiller sobe ao palco para falar sobre a nova linha de MacBook Air.

14h55 – Os novos MacBook Air virão com os novos chips Intel Haswell, lançados na última semana.

14h58 – O MacBook Air chega às lojas hoje nas versões de 11 polegadas (a partir de US$ 999) e 13 polegadas (a partir de US$ 1.099).

14h59 – Schiller também dá uma palhinha sobre os novos computadores Mac Pro. Ele mostra imagens escurecidas, sem muitos detalhes do aparelho.

15h01 – Os novos Mac Pro terão chips da AMD (!), suporte a displays com resolução 4K, 4 portas USB, 6 portas Thunderbolt e será ainda menor que o antecessor: segundo Schiller, terá 1/8 do volume do anterior!!

15h03 – “Finalmente um computador para verdadeiros americanos, feito por americanos”, disse ao afirmar que o Mac Pro será fabricado nos Estados Unidos. Será lançado ainda este ano e por isto a empresa não apresentou o modelo.

15h05 – Tim Cook volta ao palco. E falará sobre iCloud.

15h06 – “Nós agora temos 300 milhões de usuários do iTunes nas nuvens”, disse Cook.

15h08 – A Apple apresenta o iWork (pacote de produtividade da empresa) para iCloud. Uma espécie de concorrente para o Google Docs.

15h10 – A nova versão da suite tem visual bastante similar a utilizada no desktop. Traz as divisões: Pages, Numbers, Keynote. Tudo em tempo real no browser.

15h12 – “Tenho certeza que todos querem saber como isso irá funcionar no Windows”. A empresa demonstra  o novo iWorks no Chrome e IE. As mesmas funções estão presentes, menos a ferramenta para animações em 3D no Keynote.

15h13 – O iWorks for iCloud estará disponível hoje, em versão developer beta. Para o restante dos usuários chegará ainda este ano.

15h15 – Tim Cook volta ao palco e agora para falar sobre o aguardado iOS.

15h16 – “Já são mais de 600 milhões de dispositivos iOS vendidos. Os usuários do iPhone usam seus aparelhos 50% mais que os usuários do Android”, disse Cook.

15h17 – Segundo dados da Apple, o iOS teria os usuários mais satisfeitos. Seguidos pelo Windows Phone e Android – nesta ordem.

15h18 – E Cook apresenta o iOS 7. “iOS 7 é a grande mudança no nosso sistema desde o lançamento do iPhone. Ele está repleto de novas funções e uma linda nova interface de usuário”. Uma demonstração em vídeo é exibida.

15h21 – Jony Ive aparece no vídeo para demonstrar as novidades. Nova tela de desbloqueio, novas cores, nova tipografia (olá Helvética!), imagens translúcidas, aplicação de clima animado, interface em 3D (com mudanças na perspectiva). Veja as imagens a seguir:

 

15h29 – Todos os apps nativos foram redesenhados. E ganharam uma nova função interessante: navegação gestual para voltar a uma página: basta arrastar o canto esquerdo da tela para voltar ao que estava fazendo!

15h31 – As notificações também ganharam um “ar” parecido com o Google Now, e poderão ser consultadas a partir da tela de bloqueio.

15h33 – O centro de controle de configuração do iOS também recebeu novo visual:

15h36 – A atualização dos aplicativos será mais inteligente: o sistema irá programar as aplicações mais usadas para serem atualizadas primeiro em segundo plano.

15h37 – O Safari para iOS também recebeu modificações, com uma interface em tela cheia para navegação, novas abas, favoritos, controle parental e sincronização de senhas com o Mac (pelo iCloud keychain).

15h40 – E também confirmado o AirDrop para iOS: recurso que permite transferir um arquivo entre dois dispositivos por meio de uma conexão Wi-Fi.

15h40 – No entanto, o iPhone 4 e o iPhone 4S não terão a funcionalidade AirDrop disponível!

15h43 – O novo app da câmera traz um modo “quadrado” para capturar imagens no formato do Instagram!

15h44 – O app de fotos também organiza as imagens conforme o local onde foram tiradas. Para visualizar em tamanho maior, basta passar o dedo por cima da foto.

15h47 – A assistente Siri também foi repaginada. Ganhou uma voz masculina (!), novos idiomas (ninguém falou nada sobre o Português brasileiro), possibilidade de ajustar as configurações do aparelho por meio da assistente e realizar buscas no Twitter e Wikipedia com ajuda dela. Os resultados na web usam a engine do Bing, da Microsoft.

15h51 – A Siri também chega aos carros. Na verdade, quem chega aos carros é o iOS! O sistema será embarcado nos veículos de algumas montadoras parceiras (incluindo a Ferrari!) a partir de 2014:

15h53 – Mas a Apple não deu muitos detalhes sobre a nova ferramenta e como irá funcionar.

15h54 – A Apple também confirmou outro rumor: o iTunes Radio!

15h55 – O serviço está embutido no app Music e traz “estações”, assim como faz o Pandora. Será possível compartilhar uma estação de rádio com um amigo, e este poderá ouvir as músicas gratuitamente. Se gostar de alguma, poderá comprá-la.

15h57 – E será o primeiro serviço de streaming de música a trazer a banda Led Zeppelin!

15h59 – iTunes Radio será livre de anúncios. E se você for usuário do iTunes Match, o novo serviço será totalmente gratuito.

16h – Antes de encerrar a apresentação do iOS 7, a Apple reforça mais uma nova função do sistema: Activation Lock. Com ela será possível bloquear o iPhone. “Se um ladrão tentar desligar o Find My iPhone ou limpar o dispositivo, ele não conseguirá reativá-lo”.

16h02 – O iOS 7 estará disponível para os desenvolvedores a partir de hoje. Para o restante dos usuários em meados de outubro. A disponibilidade seguirá conforme a imagem abaixo:

16h05 – Tim Cook volta ao palco para agradecer e retomar os lançamentos anunciados neste keynote de abertura do WWDC. E sem a famosa frase “There’s one more thing…”, Cook encerra a apresentação.

16h06 – E sem iWatch, iPhone 5S e outros hardware, a INFO agradece a todos por acompanhar!

Pin It on Pinterest